Domingo, 28 de Novembro de 2021
22988791420
Política Macabu

Em sessão quente, vereadores cobram agilidade de Lessa para evitar perda de emendas

Demora em execução de documentos, por exemplo, tem colocado projetos em risco, segundo os parlamentares.

18/10/2021 20h18 Atualizada há 1 mês
Por: Luan Santos
Câmara de Vereadores de Conceição de Macabu
Câmara de Vereadores de Conceição de Macabu

Foi quente a sessão plenária desta segunda-feira (18) na Câmara de Vereadores de Conceição de Macabu. A maioria dos Parlamentares chamou a atenção do Prefeito Municipal, Valmir Lessa, sobre os riscos de perderem importantes projetos devido à demora na tomada de ações necessárias para que as obras saiam do papel. 

O vereador Gaúcho (DEM) foi quem deu início ao tema, mencionando a reforma da Praça José Bonifácio Tassara, obra que segundo o parlamentar, já está com o recurso liberado, mas que ainda falta a planta do projeto, parte que ficou para o município. "O Prefeito ainda não colaborou com a parte que cabe ao Executivo. Parte essa que vem se arrastando", destacou o vereador. "Um governo que se apresenta dinheiro sobrando nos cofres públicos e não tem como pagar uma planta. Isso é brincadeira. [...] 'Tão' brincando de governar nossa cidade. A indignação que eu tenho é que parece que o prefeito não precisa da ajuda de nós vereadores" disparou nesta tarde. 

Ainda durante o discurso, Gaúcho lembrou sobre a importância da reforma para a população. "É a nossa praça, o cartão postal da nossa cidade", comentou o vereador destacando a necessidade de se olhar com mais urgência pelo projeto. 

A vereadora Nathália Braga (PSD) pediu à parte e também discursou em plenário sobre as consequências das demoras por parte do Executivo. A representante feminina na bancada Legislativa citou o projeto de iluminação em Led, algo que segundo a vereadora, é solicitado pela maioria da população. O feito, que também traria redução de custos na iluminação pública, pode nem sair, já que segundo a parlamentar, o município perdeu o prazo para aderir a ata. 

Quem também alertou o Executivo Macabuense foi o vereador Lucas Madureira (Cidadania). Em seu discurso, Madureira mencionou a construção de 80 casas populares, já anunciadas pelo Estado. De acordo com o vereador, o terreno para erguer as moradias precisa ser comprado, algo que ainda não ocorreu. "A única coisa que o município precisa fazer é comprar um terreno para o  governo do estado vir construir as casas", disse Madureira. 

Indignado, o parlamentar frisou sobre as dificuldades. "Eu começo a perceber que o vereador corre atrás, consegue, luta e o Executivo eu acho que não dá muita importância", disse. Lucas ainda afirmou que chega a imaginar que pode ser questão política, já que as emendas, segundo ele, não são do mesmo Deputado do prefeito. "Nós já conversamos de vários jeitos, várias vezes e de maneiras diferentes. Só que a gente [os vereadores] não é atendido", finalizou Madureira.

O Presidente da Casa Legislativa, Dhal (PSD), cobrou boa relação. “A partir do momento que parte do Executivo de não colocar em prática os projetos de Leis aprovados nesta Câmara, ele está tomando o caminho que não é da harmonia dos poderes. O tempo da experiência passou, o tempo da aprendizagem já passou”, comentou. 

1 comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Conceição de Macabu - RJ
Atualizado às 19h57 - Fonte: Climatempo
22°
Pancada de chuva

Mín. 20° Máx. 31°

22° Sensação
10.1 km/h Vento
88.4% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (29/11)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 20° Máx. 33°

Sol com algumas nuvens
Terça (30/11)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 21° Máx. 31°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias