Quinta, 21 de Janeiro de 2021
22 98854-6217
Brasil Saúde

Bolsonaro diz que governo suspendeu compra de seringas

Presidente afirmou que estados e municípios têm estoques suficientes para início de vacinação.

06/01/2021 12h01
Por: Luan Santos
Bolsonaro diz que governo suspendeu compra de seringas

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quarta-feira que o Ministério da Saúde suspendeu a compra de seringa até que os preços "voltem à normalidade". Bolsonaro também disse que estados e municípios têm estoques de seringas suficientes para o início da vacinação contra a Covid-19.

Na semana passada, uma licitação realizada pelo Ministério da Saúde para comprar seringas e agulhas fracassou. A pasta só conseguiu garantir 7,9 milhões de unidades enquanto buscava adquirir 331,2 milhões. As empresas reclamaram que os preços pagos pelo governo estavam abaixo dos praticados no mercado.

"Como houve interesse do Ministério da Saúde em adquirir seringas para seu estoque regulador, os preços dispararam e o MS suspendeu a compra até que os preços voltem à normalidade. Estados e municípios têm estoques de seringas para o início das vacinações, já que a quantidade de vacinas num primeiro momento não é grande", escreveu o presidente no Facebook.

Depois do fracasso, o Ministério da Saúde afirmou, em nota, que realizaria "novos certames" para buscar os materiais e que o pregão no qual não conseguiu realizar a compra seria apenas a "primeira parte" da negociação."O resultado não é final e sim da primeira parte, por isso terão novos certames, outros pregões, como previsto em Lei", diz a nota.

Na segunda-feira, o Ministério da Saúde acertou, em uma reunião com representantes de três fabricantes de seringas, que as fábricas irão fornecer 30 milhões de seringas e agulhas até o final do mês de janeiro, como mostrou o blog da colunista Míriam Leitão. O primeiro lote, com três milhões de unidades, será entregue na sexta-feira.

Além disso, a Secretaria de Comércio Exterior do Ministério da Economia passou a exigir, desde 1º de janeiro, uma licença especial para autorizar a exportação de agulhas e seringas , o que deixará o processo de liberação das mercadorias mais lento que o normal.

Em paralelo, o governo deve zerar o imposto de importação de agulhas e seringas. O pedido para zerar o imposto sobre importação de agulhas e seringas foi feito pelo secretário-executivo do Ministério da Saúde, Elcio Franco. Hoje, o imposto é de 16%.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Conceição de Macabu - RJ
Atualizado às 18h58 - Fonte: Climatempo
28°
Poucas nuvens

Mín. 20° Máx. 34°

31° Sensação
17.6 km/h Vento
67.6% Umidade do ar
90% (5mm) Chance de chuva
Amanhã (22/01)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 19° Máx. 33°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Sábado (23/01)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 20° Máx. 33°

Sol com algumas nuvens
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias